Tá bão!

Vou largar essa vida de otário. Trocar a flanelinha e os trocados pingados por um salário pouco, certo e abençoado. Creide me espera que eu ainda vou te dar um dente. Que tu merece um sorriso mais bonito. Decente. Meu nome agora serve pra abrir crediário. Agora é certo, assinei o papel, sou gente. Salário, previdência e tudo. Agora estou no mundo. Ainda vou ser notícia no jornal. Vítima? Não. Meu negócio agora é ser vilão. Vou fazer muita dívida e aumentar a inflação. Eita. Agora é que ta bão!

Anúncios